A vida 10 dias antes do embarque...

Uma coisa eu posso dizer: O tempo voa. Quando eu fiz meu match estava super tranquila, levando tudo como se houvesse amanhã, e apesar de ter adiantado muitas coisas, hoje a 10 dias do meu embarque, parece que tem um milhão de coisas para fazer e que eu não terei tempo o suficiente. Antes eu estava neurótica com o que levar, malas, presentes, comprei tudo, no mesmo dia que fui pra São Paulo pegar meu visto, sai do consulado e fui as compras, resolvi 80% dos meus problemas, uma mala já está devidamente fechada a outra ainda está com coisas pendentes para por dentro. Mas mala é uma coisa que vai ficar para o próximo post, o que eu queria dizer hoje é que eu desencanei de ficar tentando pensar logicamente em tudo, e resolvi curtir com pronfundidade tudo e todos desse meu Brasil. Ser au pair em ano de copa do mundo, não tem preço. É tão fácil encontrar coisinhas do Brasil que dá para gente levar, sem contar que o país fica num clima totalmente diferente, e é absolutamente incrível testemunhar essa paixão insana que brasileiro tem por futebol. Os carros na rua com bandeirinhas do brasil, pessoas com camiseta do Brasil, os estabelecimentos comerciais decorados para a copa, as cidades decoradas para a copa, as casas com bandeiras nas janelas, é lindo, e me faz pensar duas coisas: primeiro que eu amo muito esse país e para mim não tem melhor no mundo apesar dos defeitos, e segundo que saudade eu vou sentir desse clima de copa do mundo no Brasil porque nos EUA dia de jogo pra eles não vira feriado! rs
Estou passando muito tempo com meus amigos, os sentimentos pelas pessoas seja, amor, amizade, quimíca ou qualquer outra coisa vira uma coisa ENORME todo mundo fica de coração aberto, e eu pelo menos estou me sentindo muito querida, as pessoas me abraçam e dizem que me ama e que vão sentir minha falta, coisas que as pessoas não dizem todos os dias, afinal parece que quando a gente tem um tempo determinado as pessoas se esforçam mais para os momentos valerem a pena, e tem sido incrível e muito divertido! E os sentimentos tipo ódio, mágoa e rancor parece que a gente consegue superar, porque diante da mudança de vida que vamos ter, não vale a pena levar nenhum sentimento ruim, e as pessoas que estavam na nossa lista negra da noite para o dia parecem ser tão insignificantes para a gente perder tempo com picuinha. Tem dias que eu fico extremamente com vontade de desistir, me sinto louca, uma aventureira inconsequente que não tem a menor idéia de onde está se metendo. Mas em outros dias eu acordo desejando que fosse meu dia de embarque. Eu preciso confessar que eu estou morrendo de medo, não de não me adaptar, mas de sofrer, eu não gosto de sofrer, eu sou do tipo que não penteia o cabelo todo dia só pra não sentir dor no couro cabeludo, imagina dor de distância que não há nada que a gente possa fazer a não ser esperar que o objetivo seja cumprido. Me preocupo com a minha mãe, extramente, ela é minha maior preocupação, me dá palpitações só de pensar que ela pode precisar de mim e eu vou estar longe, mas eu já aprendi também que nessa vida preciso confiar em Deus. E se eu cheguei até aqui, se passei por tudo que passei, se meu visto foi aprovado quando eu achei que isso só por um milagre, esta aí o milagre aconteceu, visto concedido (que ainda não chegou!) e embarque em 10 dias! Se isso não for um sinal de Deus que é esse o rumo que minha vida deve tomar agora, eu não sei o que pode ser. Mas para mim por enquanto eu acho que é isso que eu devo fazer, e mesmo querendo esticar os minutos em horas para passar com as pessoas que eu amo, eu sei que meu amor por elas e o delas por mim não irá mudar porque eu fui alí... rs Sempre fui a pessoa certinha que seguia as regras, e até criava mais algumas, hoje eu quebro regras, e quero me desafiar, testar meu limites, e me sentir capaz de correr riscos, me sentir capaz de fazer coisas que nunca fiz sem medo de ser feliz, sem culpa, sem me auto-criticar e sem medo. Aquela velha pergunta: Vai contar o que para o neto? Eu quero ter o que contar, até agora não tenho muito, nada muito emocionante que deixaria os netinhos de boca aberta, e pela primeira vez na vida eu não tenho planos a longo prazo, e não faço a menor fucking idea onde minha vida vai parar, mas quer saber eu nunca me senti tão leve, saber aos 22 anos o que fazer da vida era um fardo e hoje eu não sei mais, não que eu tenha me tornado uma pessoa sem objetivos, eu tenho, mas nenhum que eu tenha que concretizar imediatamente, eu estou seguindo os conselhos de Pedro Bial: ''Não se sinta culpado por não saber o que fazer da vida. As pessoas mais interessantes que eu conheço não sabiam, aos vinte e dois, o que queriam fazer da vida. Alguns dos quarentões mais interessantes que conheço ainda não sabem.'' E acho que ele conhece muitos quarentões ricos, então estou no caminho certo hahahaha
Mas gente o objetivo desse post de hoje é dizer que dúvidas vão aparecer a todo momento se você está fazendo a coisa certa, viva um dia após o outro valorizando cada momento, ao despedir-se das pessoas deixe uma energia positiva, deixe de última impressão aquela que você quer as pessoas guardem sobre você por todo o tempo que você vai estar ausente, e como último conselho se você engordar horrores antes do embarque porque começou a comer tudo que tem no Brasil e não tem lá, eu por exemplo gosto da chamada comida de boteco pastel, coxinha, cebola australiana, bolinhos de quejo/frango/carne, escondidinho, feijoada, e comida da mãe, da avó e da tia como se fossem a última coca-cola do deserto...
Desencana isso é normal, chegando lá faz academia e está tudo certo, quem ganhou quilos depois do match levante a mão aeeee  o/
O importante é não deixar passar, o abraço, o eu te amo, e nem a última coxinha em terra brasileira ;)

Read Users' Comments (7)

7 Response to "A vida 10 dias antes do embarque..."

  1. Bruna Pinheiro, on 16 de junho de 2010 23:18 said:

    É isso aí! Nossa, me vi escrevendo esse post daqui um mês hahaha e a correria p mim ainda nem começou, vou pirar qdo começar! O q vc comprou p seus hosts?

    Vou sentir falta DEMAIS da comida daqui, hummm, escondidinho, delícia!

    Bjus!


    http://perfectlittleaccident.blogspot.com/

  2. dri .:, on 17 de junho de 2010 05:08 said:

    Aaaahh! Adoreeeei o post! kkkkkkk
    Em primeiro lugar, tudo bom Dani?! =] Como vai a senhorita? Ops, como vc vai vc ja contou aí no post.. hehe.. Está bem perto do embarque, feliz e comendo muito ne! kkkkk =p
    Fiquei besta com uma coisa! EU ANOTEI ESSA FRASE DO PEDRO BIAL SEMANA PASSADA NUM PEDAÇO DE PAPEL! Pensando em colocar aqui no blog! hUIhuiha.. Porque, obviamente, me identifiquei pacas! Tinha inclusive esquecido desse pedacinho de papel mas agora vou achar um cantinho no meu blog pra colocar e eu n me esquecer mais dela. (Afinal eu me martirizo muito por n saber ainda o que será de mim depois desse intercâmbio.. - Minha mãe que não leia isso! kkkk)

    Bem.. é isso..
    Sorte nas suas organizações pré-embarque! =]
    Até maisss!
    =***

  3. ännä, on 17 de junho de 2010 06:55 said:

    Oie!!

    Primeira vez no seu blog!!
    Adorei!!!

    Bom, força na peruca aê e nos preparativos tb.
    Boa viagem ^^

    Beijos!
    xoxox

    ps.: Tô t linkando =)

  4. Gabriela Trevisan, on 17 de junho de 2010 07:20 said:

    rsrsrs adorei o post...
    e a lista vai aumentando... ainda temos que comer a comida japonesa!
    Agora a ficha tah começando a cair né... a proxima semana vai ser sua ultima semana!! mas ainda dá tempo da gente aproveitar mtooo! 10 dias de festa rsrsrs...

    Bjoo

  5. Gaby, on 17 de junho de 2010 13:03 said:

    Oi Dani!
    Deixei um recadinho no post do blog das 30 au pairs... to te seguindo.. adorei seu blog! Achei muito bacana sua visao de au pair! =)
    Boa sorte na viagem e na chegada na familia! Parabéns!
    Boa viagem
    beeijo!
    =]

  6. Natália Oliveira, on 18 de junho de 2010 11:26 said:

    ai dani... to nessa fase tbm já...
    caiu a ficha, ta doendo a saudade de td já!!!
    mas vai dar td certo amiga, vamos ser mto felizes nesse ano!!!

  7. Suellen, on 20 de junho de 2010 22:14 said:

    Opa, naum tinha te adicionado aki ainda!
    Curte bastante Dani, kd momento mesmo. Pra mim faltam 48 dias e to curtindo kd momento sem pensar em tristeza ;)
    bjos

Postar um comentário