Alguém sabe como fazer o tempo passar mais rápido?

É outubro, ao mesmo tempo que parece que foi ontem que eu dei PT em Vegas e entrei o ano cheia de esperanças, também parece que o tempo se arrasta e já podia ser 2012 e meu vôo para o Brasil ser amanhã.
O mês passado foi um dos piores aqui, novamente tive problemas com a minha host family, que acha que pode mudar as regras a qualquer momento que eles quiserem, pois como jogaram na minha cara essa aqui não é minha casa, e aquele não é meu carro.
Sim novamente eles começaram de palhaçada a respeito do uso do carro, mas dessa vez não tem nenhuma justificativa porque eu não fiz absolutamente nada de errado. NADA.
A justificativa deles foi gritada na minha cara: ''O carro é meu, eu faço e desfaço a regra que eu quiser e quando quiser.'' Ok.
Foi muito a força de Deus e do meu namorado que eu não comprei uma passagem no dia seguinte, porque sinceramente eu não mereço e não preciso disso.
Eu não sou au pair porque eu preciso, e talvez isso seja uma das coisas que me faça eu questionar o por que eu ainda estou aqui TODOS os dias.
Me apego a pequenas coisas, como o aniversário de alguém, a black friday, uma viagem, um objetivo de consumista, qualquer coisa que me faça sair da cama de manhã.
Tem dias que eu fico jogada na cama ate 15 minutos antes de sair pra pegar as kids, e só saio da cama porque me dói no coração a imagem deles me esperando na escola abandonados sendo os últimos.
As crianças não tem culpa. Eles são umas pestes, e estão cada dia mais temperamentais. Mas eu os amo e jamais faria nada para magoá-los.
Eu tive uma conversa sobre rematch com a minha LCC, eu sei que falta pouco mas eu realmente gostaria de terminar o meu programa, especialmente porque passagem de final de ano custa um rim e uma córnea, e o curso que eu paguei na faculdade foi já o preço de um rim e uma córnea.
É muito prejuízo para uma pessoa só.
E minha ''querida'' LCC disse que não vai assinar rematch nenhum porque ela estaria automaticamente concordando que a agência vai pagar minha passagem de volta pra casa mais cedo, visto que com tão pouco tempo restante eu dificilmente encontraria outra host family.
Eu nem quero outra host family gostaria de voltar pra casa mesmo, eu gosto de algumas coisas dos meus hosts, mas gostar e odiar andam lado a lado nesse caso, porque honestamente eles não são uma excelente host family como eles pensam que são, eles não fazem absolutamente nada fora do contrato, nada que te motive, nada que crie um vínculo, nada que faça você pensar que escolheu certo, porque honestamente se eu pudesse voltar 1 ano e 4 meses atrás eu teria escolhido BEM melhor, deveria ter sido MUITO mais exigente.
Depois da conversa com a LCC, eu decidi que eu vou cumprir meus objetivos, independente de quando termina meu programa, objetivo número um é terminar o curso caro que eu paguei, quando eu cumprir esse eu faço outro objetivo e assim por diante até eu terminar essa joça.
Obviamente se acontecer outra briga daquela eu vou dar barraco até me mandarem para casa,  porque eu não sou cachorro não...
Outra coisa que está me deixando deprimida: O NAMORADO.
Eu que tanto crítico os americanos e os EUA, me apaixonei por um.
Cuspi e caiu bem no meio da minha testa!
Ele é o maior fofo das galáxias no sentido de ser fiel, quase que devoto, me dá flores quase toda semana, sempre preocupado comigo, tentando me fazer feliz de qualquer maneira.
Mas eu não nasci pra pegar green card e ficar aqui forever, nada contra quem quer isso, fez isso ou tem esse sonho na vida.
Mas quando ele disse que quer casar comigo e que eu fique aqui pra sempre, eu chorei, porque isso nunquinha que vai acontecer, apesar de eu gostar dele, algumas coisas e pessoas no Brasil, tipo a minha mãe, são mais importantes pra mim.
Aí o relacionamento está ótimo no momento, mas vira um drama só ás vezes, porque eu faço a contagem regressiva feliz e ele triste.
E ele surta ás vezes, e briga comigo, faz um drama, chora, talvez espere que eu mude de idéia e aceite a propose, mas eu já disse pra ele que a única chance de ficarmos juntos é se ele fosse para o Brasil porque aqui eu não fico, não dá. Mas pra ele não rola também por mil motivos que eu entendo todos.
Então namorado americano é bom em vários aspectos, péssimo em outros, a pior parte é que se você realmente se apaixona sua única opção é você abandonar sua vida e seus planos e ficar aqui nos EUA forever, porque eles dificilmente vão querer ir para o Brasil, especialmente porque aqui não passa nada de bom sobre o nosso país na TV, os brasileiros que tem aqui vivem passando a perna nos outros, e as mulheres pegando geral, então a gente tem aquela fama boa sabe...
Fico pensando como vai ser quando eles fizerem match com uma nova aupair, o que não vai demorar muito, acredito que janeiro eles começam procurar, que vai ser a mesma época que a agência vai marcar meu vôo de volta pra dali um mês, e aí a menina vai querer falar com a atual aupair, eu faço o que?
Provavelmente vou fazer o que a ex aupair daqui fez comigo, jogou a verdade de leve, a bosta só foi jogada no ventilador quando eu cheguei aqui mesmo.
Que dó. Que dó. Que dó.
Por enquanto é isso minha gente, esses dramas da minha vida de aupair, eu volto em breve para falar de planos de férias e final de ano, e o que mais estiver rolando...
Obrigada pela visita! =)

Read Users' Comments (5)

5 Response to "Alguém sabe como fazer o tempo passar mais rápido?"

  1. Cecília, on 10 de outubro de 2011 06:09 said:

    Oi! Entao... Tem paciencia que o tempo passa sim! E se nao tiver dando pra aguentar,,,junta uma graninha espera uma promocao e compra sua passagem de volta.. Eu sei q isso deveria ser dispesa da agencia e etc.. mas se eles nao vao resolvedr sua situacao resolva vc... nao fique infeliz ai soh pq eles nao kerem te dar rematch! Eu jah tive amiga q teve rematch faltando 4 meses e conseguiu familia... Anyway Tenta sair dessa situacao... nao se conforme em viver com gente que te trata mau... bjss

  2. Letícia, on 10 de outubro de 2011 09:50 said:

    Tenta curti o tempo que te resta, sem pensar nos forever... porque nunca sabemos mesmo o que é forver... como vc disse termina seu curso, curta seu namorado, e se ainda há algo que nao fez, vá em frente!!

    abraços
    e força

  3. Júlia Araújo, on 19 de outubro de 2011 09:51 said:

    Nooooooossa, que tenso. Mas ó, vou te dizer uma frase que gosto muito 'save tomorrow for tomorrow. think about today instead'. Tenta relaxar e ser feliz no tempinho que te resta ai. Beijos e boa sorte!

  4. Juliana, on 22 de outubro de 2011 17:09 said:

    Nossa! Adorei o seu blog. Tem tanta coisa em um único post que eu gostaria de saber!
    Eu estou no processo de Au Pair agora, entreguei o meu application e estou esperando, esperando, esperando... o contato com a família. Mas ao mesmo tempo que não vejo a hora que isso chega, estou morrendo de medo. Tenho medo de escolher mal! =s
    Adoraria trocar email com você e pedir algumas dicas, se possível.
    Meu email é tatasju@hotmail.come meu nome é Juliana
    Se você puder entrar em contato comigo eu agradeço imensamente.
    Obrigada desde já e desejo melhoras nesse finzinho que parece tão distante né?
    BeiJUs

  5. Otávio, on 3 de setembro de 2012 09:27 said:

    Tenho uma dica:
    Lê tudo o que escreveu 10 veses e pronto!

Postar um comentário